Cannabis medicinal traz qualidade de vida a paciente com Parkinson e debate intensifica-se

Intensifica-se o debate sobre o uso da Cannabis medicinal no controle da epilepsia e tratamento da ansiedade, além de servir como medicamento anti-inflamatório, antiasmático e para propriedades antitumorais. Cientistas e pesquisadores defendem o cultivo e o auto cultivo da planta para extração do óleo utilizado no controle e no tratamento de várias doenças e, também inseridos nesse debate, políticos como a senadora Mara Gabrilli dizem ser um absurdo que crenças e preconceitos prevaleçam sobre a saúde da população. No Brasil quem tem renda alta consegue importar remédios à base da planta, mas os cidadãos de baixa renda, não. “A dor dessas pessoas não é diferente ou menos importante que a das demais”, revela a senadora. Veja vídeo sobre o uso do derivado da planta no controle dos efeitos do Parkinson. (Fonte: Agência Senado)


4 visualizações0 comentário
LÚMEN FACHADA_edited.jpg
Captura de Tela 2022-03-31 às 10.17.18.png
Captura de Tela 2022-03-31 às 10.16.52.png
PM MEU LOTE MINHA HISTÓRIA_edited.jpg