Elon Musk pede o fim da aprovação prévia de tuítes exigida pela SEC



O bilionário e fundador da Tesla, Elon Musk, pediu para um tribunal federal dos Estados Unidos o fim de uma decisão imposta pela Securities and Exchange Commission (SEC) – a CVM dos Estados Unidos – que obriga o executivo a validar cada um dos seus tuítes relacionados com a empresa por meio de um advogado. De acordo com informações da agência Associated Press, os advogados de Musk afirmam na petição que a exigência é uma “focinheira imposta pelo governo”. Eles também afirmaram que decisão fere a Constituição norte-americana e vai contra “os princípios de liberdade de expressão e debate aberto”.

MUSK x TWITTER Em abril deste ano, Musk concordou em comprar o Twitter e torná-lo privado, oferecendo US$ 54,20 por ação e prometendo afrouxar o policiamento de conteúdo da empresa e erradicar contas falsas. Em julho, porém, ele tentou desistir do acordo, fazendo uma série de acusações no Twitter como justificativa para sua ação. O Twitter processou o bilionário para forçá-lo a concluir a aquisição. A batalha judicial vai definir se Musk deve cumprir o acordo de comprar a plataforma por US$ 44 bilhões.



1 visualização0 comentário
LÚMEN FACHADA_edited.jpg
Captura de Tela 2022-03-31 às 10.17.18.png
Captura de Tela 2022-03-31 às 10.16.52.png
PM MEU LOTE MINHA HISTÓRIA_edited.jpg