Holanda escolhe Embraer C-390 e fecha negócio bilionário com a empresa brasileira

O Ministério da Defesa holandês divulgou na ultima semana a sua escolha pela aeronave da Embraer C-390 Millenium como substitutos do Lockheed C-130H Hércules na Força Aérea Real Holandesa. O anúncio foi feito pelo Secretário da Defesa Christophe van der Maat em comunicado à Câmara dos Deputados da Holanda e sinaliza a compra de cinco aeronaves, com entregas previstas para a partir de 2026. O avião brasileiro venceu nada menos que dois grandes concorrentes de peso, o Airbus A400M e o lendário Lockheed C-130J Hercules. O Airbus A-400M, ainda que muito mais caro, seja na aquisição, seja na operação, contava a seu favor ser uma aeronave de origem europeia, fabricada por um consórcio de países europeus, enquanto o C-130J representa a evolução natural do já conhecido e provado Hercules, aeronave quase septuagenária (e mais longeva aeronave militar em produção) com mais de 2.500 unidades produzidas. Hercules C-130 da Força Aérea Brasileira (Foto: Agência Força Aérea/Ten. Enilton) A escolha do C-390 Millenium atesta, mais uma vez, as excelentes características operacionais do produto brasileiro que, com essa aquisição, a Holanda se une à Hungria e Portugal que optaram pelo cargueiro tático brasileiro na Europa. Vale a menção de que a Embraer, com o apoio da Força Aérea Brasileira, vem demonstrando o C-390 em diversas feiras aeronáuticas, atraindo a atenção de países como Arábia Saudita, que cogitam adquirir o cargueiro brasileiro.

Fontes: FAB e Águias de Aço

12 visualizações0 comentário
LÚMEN FACHADA_edited.jpg
Captura de Tela 2022-03-31 às 10.17.18.png
Captura de Tela 2022-03-31 às 10.16.52.png
PM MEU LOTE MINHA HISTÓRIA_edited.jpg