Mensagem do Diretor: O estrondoso e colorido despertar do Gigante



Nos anos 50 e 60 ainda resistia o ensino educador que formava bons profissionais e boas pessoas. Disciplinas como Moral e Cívica e Organização Social e Política Brasileira (OSPB), com ensinamentos de francês, latim e música contribuíam para a construção do caráter, da capacidade e do senso ético dos futuros cidadãos - líderes, dirigentes e governantes do porvir.

Era lá, nas escolas públicas e particulares que alunos, professores e colaboradores cantavam os hinos da Nação, faziam suas orações e depois, na sala de aula davam asas à imaginação inspirados pelos ensinamentos dos mestres. Esse espírito de civilidade e amor à Pátria deixou saudades e foi desaparecendo ao longo das últimas décadas, até ser completamente esquecido.

Mas então, com a evolução tecnológica, a comunicação direta e em tempo real entre as pessoas e com o surgimento de um novo horizonte para o País, esse espírito nacionalista ressurgiu no coração de cada brasileiro, com a população lotando praças e avenidas na comemoração do Bicentenário da Independência. Foi um momento ímpar, mágico e inédito no Brasil e no mundo.

Após a comemoração dos 200 anos de independência e liberdade de um povo que constrói um País respeitado e admirado por todo o mundo, ficou a certeza de que o gigante pela própria natureza despertou de vez, graças à união, determinação e escolha de seu povo. (Odilon Rosa)

3 visualizações0 comentário
LÚMEN FACHADA_edited.jpg
Captura de Tela 2022-03-31 às 10.17.18.png
Captura de Tela 2022-03-31 às 10.16.52.png
PM MEU LOTE MINHA HISTÓRIA_edited.jpg