top of page

Premiação do 2º Copão Miguel Squeff de Futebol de Anápolis reúne equipes e familiares nas finais



As categorias feminina e masculina de futebol society decidiram a disputa na noite de ontem na Arena do Residencial das Flores


Uma noite cheia de emoções na final do 2º Copão Miguel Squeff de Anápolis. Equipes de futebol amador da cidade participaram de um desafio de garra e talento que foi decidido nesta quinta-feira, 15, na Arena Poliesportiva do Residencial das Flores. Na modalidade Society, no feminino, o time Abelhinhas venceu o Nápoli por 10 a 7. Já no masculino, o Independente venceu o Qualicaps por 4 a 3. A final da modalidade Futebol de Campo aconteceu no Estádio Jonas Duarte, no dia 29 de novembro, com vitória do Real Paraense sobre o Santa Cruz por 4 a 2.


“Minha equipe foi bicampeã no torneio de futsal do Vem e Faz nos bairros, e agora, pela primeira vez, estamos participando do Copão Miguel Squeff. Isso fortalece ainda mais o futebol amador na nossa cidade, em especial o futebol feminino. Todas as meninas se esforçam e jogam muito, então é muito bom ter esse reconhecimento”, relata Janaína Aquino, atleta destaque da equipe Nápoli, que foi vice-campeã nesta edição que recebe a categoria feminina pela primeira vez.


O 2º Copão Miguel Squeff premiou as equipes campeãs com o troféu e R$ 4,5 mil em dinheiro para cada modalidade. As equipes vice-campeãs também levaram o troféu, além do montante de R$ 2,5 mil. Os atletas que se destacaram individualmente no decorrer do campeonato também foram premiados com R$ 500 cada, nas categorias artilheiro, goleiro menos vazado e atleta destaque. Todos os times que se inscreveram e participaram, receberam uniforme completo, com camiseta, calção e meia, além da uma bola para treinar e competir.


Homenagem

O Copão Miguel Squeff homenageia um dos principais cronistas esportivos de Goiás, Miguel Jorge Squeff. “A gente fica muito feliz em receber essa homenagem, isso reflete toda uma trajetória, uma vida dedicada à cidade de Anápolis. Meu pai foi um apaixonado pelo esporte, em especial pelo futebol”, relata Fabiano, filho mais novo do homenageado.


Nascido em 1946, iniciou sua carreira profissional como comunicador aos 18 anos, na Rádio Santana e, em 1971, como cronista esportivo nas extintas Rádio Carajá e Rádio Sant’Anna, passando também pelas emissoras Imprensa, Manchester e São Francisco. A partir da década de 1980, com empresa própria, Miguel expandiu sua atuação para a TV cobrindo torneios internacionais como a Copa Sul Americana (1989) e Copa do Mundo. Foi secretário municipal de Esportes no início da década de 1980 e nos anos 2000. Faleceu em 17 de junho de 2018, aos 72 anos.


Confira os resultados:


Society feminino

- Equipe campeã: Abelhinhas 10 x 7 Nápoli

- Artilheira: Janaína de Aquino, equipe Nápoli

- Goleira menos vazada: Lia Magalhães, equipe Abelhinhas

- Atleta destaque: Nayara Pereira da Silva, Abelhinhas


Society masculino

- Equipe campeã: Independente 4 x 3 Qualicaps

- Artilheiro: Jeferson Paulo Santos, equipe Independente

- Goleiro menos vazado: Leandro Fidelis, equipe Independente

- Atleta destaque: Mikael Alves, equipe Qualicaps


Campo masculino (29/11)

- Equipe campeã: Real Paraense 4 x 2 Santa Cruz

- Artilheiro: Lucas Silva, equipe Boa Vista

- Goleiro menos vazado: Wanderley Ferreira, equipe Santa Cruz

- Atleta destaque: José Robson, equipe Real Paraense

2 visualizações0 comentário
LÚMEN FACHADA_edited.jpg
Captura de Tela 2022-03-31 às 10.17.18.png
Captura de Tela 2022-03-31 às 10.16.52.png
PM MEU LOTE MINHA HISTÓRIA_edited.jpg
bottom of page