Estado

HGG realiza milésimo transplante de órgãos

Os órgãos doados vão para pacientes que estão aguardando em lista de espera única

Após seis meses na lista de espera, Antônio Batista de Freitas, de 59 anos, recebeu um rim no último sábado (29/06) e tornou-se o milésimo paciente a passar por transplante de órgãos em Goiás. Todos os procedimentos do estado ocorreram no Hospital Estadual Alberto Rassi – HGG, unidade de saúde do Governo de Goiás, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS).

“Quando recebi a ligação dizendo que tinha um rim para mim, achei que era um trote. Nesse momento, senti a maior alegria do mundo. Agora estou me recuperando, com a certeza de que vai continuar dando tudo certo”, contou Antônio.

Na lista dos transplantes de órgãos já realizados no HGG estão 940 de rim, 56 de fígado, 3 de medula óssea e 1 de pâncreas.

“Cada vez mais, estamos sensibilizando o cidadão para que entenda a importância da doação de órgãos e nos ajude a continuar salvando vidas”, comentou o governador Ronaldo Caiado.

Central de Transplante de Órgãos do HGG

A cirurgia foi realizada na Central de Transplantes do HGG, totalmente reformada e modernizada em 2022, com investimento de R$ 2,8 milhões em recursos estaduais. As instalações contam com uma área de 644m², 32 novos leitos, sendo 26 para transplantes de rins, fígado, pâncreas e rim-pâncreas, e outros seis para transplante de medula óssea, proporcionando mais conforto e segurança aos pacientes. O serviço foi implantado em 2017.

Doação de órgãos

No Brasil, a doação de órgãos e tecidos só é realizada após a autorização familiar. Por isso, a melhor maneira de garantir efetivamente que a vontade do doador seja respeitada é fazer com que a família saiba sobre do desejo do parente falecido. Não é preciso registrar a intenção de ser doador em cartórios, nem informar em documentos.

Os órgãos doados vão para pacientes que estão aguardando em lista de espera única, organizada por estado ou região, e monitorada pelo Sistema Nacional de Transplantes (SNT).

  • Fonte da informação:
  • Leia na fonte original da informação
  • Artigos relacionados

    Deixe um comentário

    Verifique também
    Fechar
    Botão Voltar ao topo
    Nova Conversa
    Escanear o código
    Olá 👋
    Como podemos te ajudar?